Dicas para tornar sua mudança mais fácil, pelo menos um pouco

Algumas dicas de como tornar sua mudança um pouco mais fácil.

Direto ao ponto

Eu não sou nenhuma personal organizer, mas tenho uma certa experiência no assunto: Mudança. Afinal já mudei de casa algumas vezes (para não dizer muitas vezes). Já mudei de uma casa para outra, já mudei para outra cidade, já mudei para outro estado, só nunca mudei para outro país.

Aproveitando, esta fase que estou vivendo, resolvi postar aqui algumas dicas que fui aprendendo com as mudanças que já fiz. Com estas dicas você vai ver que é possível mudar de casa sem enlouquecer, muito.

Antes do dia da mudança

1 mês antes

Faça uma boa pesquisa de preço e qualidade dos serviços e contrate o carreto ou a transportadora.

Contrate alguns ajudantes para carregar o peso para você, tipo carregar a geladeira, sofás, etc…

Se for mudar para um prédio, comunique ao síndico e ao porteiro o dia da sua mudança, aproveite para saber se o prédio tem regras e/ou horários para mudança, barulho de furadeira, estas coisas.

Informe ao banco, colégios e outros locais em que você é cliente, sobre sua mudança de endereço.

Todas as vezes que for fazer supermercado peça caixas de papelão e vá guardando, você vai precisar de muitas.

Compre plástico bolha, pincel atômico, fita adesiva larga e junte muitos jornais velhos.

Tudo o que você não for usar neste próximo mês, aproveite para embalar: Roupas de inverno (se for verão, claro), cobertores.

Separe as coisas que você não usa, para doar. Tipo, roupas, móveis, eletrodomésticos. Veja na sua cidade as instituições que recebem doações, tem algumas que até vão buscar na residência. No meu caso, nesta mudança, dei muita coisa para a família da empregada doméstica da casa vizinha, pois eles também se mudaram a pouco tempo aqui para a cidade. Qual não foi a minha surpresa, quando no dia da mudança, veio a família toda ajudar na mudança. Nem sei o que eu teria feito sem eles.

1 semana antes

Ligue para as companhias responsáveis e peça a transferência do telefone, da internet,  etc… para o novo endereço.

Faça uma mala para cada pessoa da casa com tudo com o que vai precisar nos próximos dias. Como se fosse uma mala de viagem. Embale todo o resto.

Esvazie e deixe na despensa e na geladeira apenas os alimentos para a próxima semana.

Faça backups (arquivos de segurança) antes de desligar o computador. Confesso que desta vez esqueci de fazer isto.

Esvazie um cômodo da casa para ir colocando as caixas já fechada. Eu prefiro a sala, pois fica perto da porta e mais fácil para carregar o caminhão no dia D.

Desmonte as camas (deixe só os colchões para dormir), os armários, guarda-roupa, etc… Eu contrato uma pessoa para fazer isto. Vou em uma loja de móveis e peço o contato dos montadores deles, agendo com um e pronto. O bom é que eles tem ferramentas específicas e não estragam os móveis na desmontagem e montagem. coloque os parafuso de cada móvel em um saquinho e amarre junto a uma peça do móvel, isto evita perder e misturar com outros. Este serviço não é caro. Eles podem cobrar por cada móvel ou você faz logo um pacote para a desmontagem e montagem na nova casa.

Aproveite para dar uma super faxina na casa nova. Sem móveis fica muito mais fácil.

Faltando 1 dia

Embale as gavetas. Quando mudo na mesma cidade, deixo as gavetas arrumadas. Coloco ela arrumada dentro de uma caixa ou dentro de um saco de lixo. Na casa nova é só retirar e colocar no lugar (um trabalho a menos).

Retire o que sobrou na geladeira, freezer e limpe, seque e já deixe pronto para o transporte.

Guarde os documento e coisas de valor e certifique-se que você mesma vai se encarregar de levá-los no seu carro.

Deixe as caixas com as inscrições FRÁGIL separadas das demais.

No dia da mudança

Deixe tudo pronto e embalado para quando o caminhão chegar não ficar esperando.

Oriente as pessoas que vão carregar e descarregar o caminhão. Coloque sempre papelão ou plástico bolha entre um móvel e outro no caminhão senão um arranha o outro.

Vidro sempre se leva em pé. Aqui em casa amarramos colchão fino e papelão dando suporte para o vidro da mesa e espelho grande.

Uma pessoa fica na casa antiga, despachando a mudança (no nosso caso foi o maridão) e outra (eu) na casa nova orientado onde vai cada coisa. Fica mais fácil se cada móvel e cada caixa ficar no cômodo certo.

Não faço uma feijoada para todo mundo no fim da mudança, acho que dá um trabalho danado e desnecessário. Prefiro levar todo mundo para comer em algum lugar.

Fim da mudança ou não

Pague todo mundo, ajudantes, caminhão/transportadora.

Olhe aquele amontoado de caixa, sente e chore. Hahahahaha. Brincadeirinha. Mãos à obra que o trabalho ainda não terminou. E vai levar ainda umas semanas para colocar tudo em ordem.

Dicas de embalagens

Caixas grandes

Só use se for para colocar coisas leves, pois elas são ruim de carregar e se estiverem pesadas pior ainda. Use para travesseiros, cobertores, roupas, almofadas. Aproveite para embalar alguns objetos frágeis e colocar no meio das cobertas. Outra dica é não tirar as roupas dos cabides. Coloque em caixas grandes a roupa com cabide e tudo, de forma que não fique bagunçada, coloque-as esticadas. quando chegar na casa nova é só pendurar tudo.

Caixas médias

São as que você vai usar mais. Dá para colocar de tudo e não são desajeitadas para carregar. Ao embalar as louças da cozinha, coloque cada conjunto em uma caixa, fica mais fácil para arrumar depois.

Caixas pequenas

Use para colocar coisas pesadas, como livros.

Observação final: Eu gosto de numerar cada caixa e fazer uma lista a parte com o que tem dentro dela, assim vou abrindo primeiro as caixas que vou precisar.

Exemplo: Minha lista fica assim:

Caixa 1 – Sala de Estar – Fitas, Dvds, Cds

Caixa 2 – Cozinha – Panelas

Nas caixas escrevo (com um pincel atômico) o número da caixa e de onde ela é (cozinha, sala, quarto casal, etc…).

E você, como faz? As meninas que deixaram comentários dizendo que gostam de mudança deixem aí suas dicas. eu t\õ quase uma profissional, né?

Imagem: Getty Images

 

 

7 respostas

  1. Ai, tô que nem vc, já mudei tanto em minha vida, não aguento mais, até de país eu já mudei,mas aí não levei móveis, 2 meses atrás mudei de estado,agora espero dar uma paradinha, quando a gente é mais jovem tem mais pique,mas a idade vai chegando e fica cansativo 🙁
    Boa mudança, e felicidades no novo lar!
    Beijos 🙂

  2. Oi Patty, sou de Rondônia e estou p me mudar p bahia, nunca me mudei na vida e rola aquele medo pois além de tudo vou sozinha. Não pretendo levar os móveis acho que é melhor comprar outros, mas adorei suas dicas. bj

  3. Vou mudar de bairro, ficando na mesma cidade, mas como vou de um Apt maior para um menor estou num dilema com o tamanho dos móveis, que são bonitos de qualidade e de muitas lembranças boas. Alguma dica sobre isso?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.